pearl de vere, conhecida como a “pomba suja de Cripple Creek”, é uma prostituta e bordel proprietária Madam of the Cripple Creek Colorado.

pouco se sabe sobre sua juventude. Acredita-se que ela tenha nascido em Chicago, Illinois por volta de 1862, e foi criada por well to do parents. Ela migrou para Denver, Colorado enquanto estava na adolescência. Ela era conhecida em Denver como “Sra. Martin”, embora não se acredite que ela fosse casada na época. Com a idade de 14 ou 15 ela era uma prostituta trabalhadora em Denver. Quando os negócios desaceleraram, ela se mudou para o novo boomtown de Cripple Creek, Colorado, em 1893.

Cripple Creek seria a última grande corrida do ouro no Colorado. Quase da noite para o dia, uma cidade surgiu de uma pequena comunidade. A necessidade de prostitutas em uma terra onde os homens superavam em número as mulheres era grande. Martin, como era conhecida anteriormente, mudou seu nome para Pearl De Vere e começou a trabalhar como prostituta em Cripple Creek. Em poucos meses, ela tinha começado seu próprio bordel, com várias meninas em seu emprego.

Pearl comprou uma pequena casa de madeira na Myers Avenue, da qual seu negócio operaria. Ela foi descrita como sendo 31 anos de idade na época, com cabelos ruivos e uma constituição esbelta, e era uma mulher bonita. Ela também foi dito ser uma boa empresária, força de vontade, e inteligente. Suas meninas são instruídas a praticar boa higiene, vestir-se bem e fazer exames médicos mensais. Ela também escolhe apenas as meninas mais atraentes para o emprego. Em troca, suas meninas são bem pagas por seus serviços.Ela atende aos homens mais prósperos em Cripple Creek, e seu bordel se tornou o mais bem sucedido da cidade. Ela é conhecida por usar roupas luxuosas em público e por nunca ser vista duas vezes com as mesmas roupas. Em 1895, ela conheceu e se casou com o empresário C. B. Flynn, um rico proprietário de uma fábrica. Os dois haviam se casado apenas alguns meses antes de um incêndio passar pelo Distrito Comercial de Cripple Creek, destruindo a maioria dos negócios, incluindo sua fábrica e seu bordel.

para se recuperar financeiramente, Flynn aceitou uma posição como Fundidora em Monterrey, México. Pearl permaneceu em Cripple Creek, reconstruindo seus negócios. Ela tinha um prédio de tijolos de dois andares construído em 1896, decorando-o com tapetes luxuosos, móveis de madeira e lâmpadas elétricas. A casa foi equipada com duas banheiras com água corrente. Cada uma de suas meninas tinha seu próprio quarto, usado para entreter seus convidados, completo com uma cômoda, mudando de tela, e cama grande. Ela também forneceu a cada uma de suas meninas um grande porta-malas que poderia ser preso com uma fechadura, para seus itens pessoais.

quando um cliente entrou no estabelecimento, se ele não pudesse decidir sobre uma garota em particular, ele poderia entrar no que era chamado de sala de visualização. Nesta sala, localizada através de uma pequena porta no segundo andar, os clientes podiam olhar para baixo através de uma grande janela para o salão onde todas as meninas estavam reunidas. Uma vez que o cliente decidiu por uma mulher, ela seria levada para a sala de visualização, onde ela removeria todas as suas roupas para que o cliente pudesse tomar uma decisão final.

ela chamou seu negócio recém-inaugurado de “The Old Homestead”. Ela realizou festas para trazer clientes e cobrou US $250 por noite para os clientes ficarem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.